Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de 2011

E assim termina mais um ano...

2011 Está a terminar, 2012 está a chegar e a nova época de orientação também. É por isso altura de fazer um balanço geral do ano que termina agora.

Ano este que fica marcado pelo primeiro ano em que a época de orientação coincide com o ano civil. Apesar de a partir de agora a época estar assim desenhada a minha época de treino não irá ser alterada, pois os meus objetivos passam pelo campeonato do mundo e esse realiza-se logo no início do verão. O que leva a que passe um período no final do ano (Novembro e Dezembro) sem provas de orientação; altura que aproveito sobretudo para fazer provas de atletismo e pequenos estágios ao fim de semana.

Deixo para trás um ano que se divide em duas alturas bem diferentes do meu treino e vida como atleta.

Uma altura (primeiros meses do ano) em que não tinha vontade de treinar, e muitas vezes não o fazia, nem tinha objetivos Dividia-me entre os treinos e o estudo e não fazia nenhuma das coisas com cabeça, isso refletiu-se sobretudo nas notas do semestre e…

5ºOrijunior pôs-me a pensar...

A melhor forma de começar as férias escolares de Natal é sem duvida conviver com todas as pessoas que partilham a mesma paixão que eu: a Orientação. 3dias muito intensos (7 treinos em 2dias e meio) marcaram o último estágio orientado por o grande Tiago Aires, até agora responsável por diversas formações e ensinamento de todos os jovens orientistas, quer os que se iniciam na modalidade quer os que participam nas seleções.
Os treinos realizados foram apelativos e marcam o início do muito trabalho que tenho para atingir os meus objetivos anteriormente divulgados.
Janelas em Score com partida em Massa

Foram os treinos realizados nestes dias.
Dias, estes que me fizeram pensar em todo o que aprendi com o Tiago Aires e todos os momentos que passamos juntos sobre o lema “Crescer como Grupo”. Um agradecimento especial a este atleta, amigo e um excelente professor por tudo o que ensinou aos jovens que trabalharam com ele. 
Quero deixar também um voto de confiança ao Hélder Ferreira e …

2012 está a chegar

Está a chegar o Natal e passado uma semana chega o Ano Novo, é altura de gozar de umas férias totalmente dedicadas à orientação e pensar nos objetivos para a próxima época.

Objetivos esses que são sobretudo na Orientação, pois este é o meu último ano como H20.
Não sei até que ponto é bom colocar aqui os meus objetivos pessoais para a época, uma vez que são algo ambiciosos e certamente muitas pessoas irão questionar se eu estarei no meu perfeito juízo quando afirmo que esta época quero:

Atingir um pódio no Campeonato do Mundo de Juniores; Concluir todas as distâncias individuais desse campeonato nos 20 primeiros lugares; Ajudar a equipa de estafetas a classificar-se nas 10 primeiras equipas ou até mesmo atingir o pódio; Vencer o Campeonato Nacional Absoluto 2012; Correr 1500m abaixo dos 4'10''; Correr 3000m a cerca de 2'55''/km, o que dá um tempo na casa dos 8'45''; Correr 5000m em menos de 15'30'…

Ciclovias em Lisboa

Já passou quase duas semanas desde que escrevi no blog, a verdade é que tenho andado ocupado com a disciplina que todos os engenheiros temem, eletromagnetismo e ótica Tive o 2ºteste ontem e, infelizmente, parece que o exame espera por mim. Apesar de não andar com notas brilhantes este semestre confesso que é esta que estou a sentir mais dificuldades e a qual me questiono se conseguirei fazer!

No entanto não é neste contexto que escrevo hoje, mas sim para falar do pequeno passo que a cidade de Lisboa está a tomar para se tornar uma cidade mais ecológica e uma cidade onde as pessoas tem disponível infraestruturas para se deslocarem com um meio de transporte saudável e não poluente, a bicicleta, claro!



De acordo com o site ciclovia.pt existem ciclovias a funcionar desde 2001 (Entre Telheiras e Entrecampos, passando pelo estádio universitário e Jardim do Campo Grande). Sendo que em 2009 esta foi alargada até À Quinta da Granja e feita uma totalmente nova ao longo da 24 …

A Evolução como atleta?

Existem momentos que nos fazem pensar de como o tempo nunca para e quando damos por isso já passaram anos e anos. Parece que foi ontem que o meu treinador, patrício, me disse que estava na altura de começar a fazer uns passeios de bicicleta para ganhar força, mas na verdade já passaram mais de 7anos. Nessa altura nem bicicleta de BTT tinha, fiz com que a minha tia me desse uma pelo natal para, finalmente, poder fazer esses passeiros. Natal esse que todas as prendas foram material para andar de BTT (calções, luvas, capacete, kit para furos).

Nos primeiros tempos não tinha muita experiencia, por isso dava voltas pequenas sem nunca me afastar muito da vila, com o tempo ia aumentando o percurso até que já fazia perto de 15km em pouco mais de 1hora, o que não era nada mau para a minha idade.

A verdade é que os tempos vão mudando e o que dantes fazia em cima de uma bicicleta hoje faço a correr, foi engraçado reviver o percurso que outrora era a pura adrenalina de andar de bicicleta. Atualme…

Lunarun – A noite passa a correr

É este o lema que leva a Nike até ao Bairro Alto em Lisboa todas as quintas-feiras do mês de novembro. Mas o que consiste isto exatamente??

Uma pergunta que eu também colocava quando vi uma publicação no ‘’facebook’’ no intervalo do meu estudo, e ainda bem que fiz essa pausa, pois de imediato recebi uma mensagem do Paulo Fernandes, orientista que manter o clube Lebres do Sado no pelotão nacional, a convidar-me para ir participar na 2º Lunarun, argumentando que iam alguns colegas e que o vencedor ainda recebia umas sapatilhas. Apesar de muita coisa que fazer decidi aceitar, assim juntava o meu treino diário a uma experiencia!
Quando cheguei ao Largo do Chiado fiquei logo surpreendido com a multidão que ia participar no evento (muitos aliciados com a possibilidade de ganhar umas sapatilhas, outros aliciados pela pizza e bebidas oferecidas no final, outros por puro lazer).
Realizei a inscrição gratuita e recebi a explicação do que consistia a Lunarun.
Lunarun é um conceito que nasce de um t…

1º de muitos objetivos da época - ''check''

Posso dizer que o 1º objetivo da época (menor do que todos os outros, mas importante para me manter motivado) está cumprido. Correr os 10.000 metros em menos de 35 minutos para ter a possibilidade de ingressar no grupo de desenvolvimento da seleção nacional sénior de orientação pedestre era o que me propunha.

No entanto durante a prova de hoje, 1ºCorrida da Ajuda, senti que devido ao percurso e como me estava a sentir era possível bater o meu recorde pessoal e estabelecer uma marca abaixo dos 32'45'' (tempo determinado para os atletas ingressarem no grupo A da seleção).


Durante todo o percurso fui solto sem nunca pensar que poderia ''rebentar'' e apenas levava o pensamento que até era possível chegar à vitória na prova (não que fosse o meu objetivo, mas para me motivar a competição serve na perfeição). Após uma partida muito atrasada na passagem do 1º km apanhei um bom grupo que me colocava na disputa do 3ºlugar. Contudo a ver os outros dois atletas tão pró…

De volta à competição Alentejana...

Depois de quase 8 meses vou, finalmente, competir numa prova de atletismo no Alentejo.
A última competição foi o corta-mato do Alentejo em Pavia. Situação que espero que esta época não se repita, uma vez que pretendo competir mais nas provas de atletismo durante a época de inverno e com a alteração do calendário da época de Orientação este cenário é, agora, possível sem prejudicar a minha preparação para o campeonato do Mundo de orientação pedestre.
A prova que irei participar já no dia de amanhã é o Campeonato Distrital de Montanha por escalão – III Escalada de S.Gens, Serpa. Uma prova com 7 600 metros e confesso que não conheço pormenores, pois apesar de já ser a 3ºedição nunca participei nesta prova.


A atividade do CNAlvito no dia de amanhã terminará no jantar de Campeões do clube, onde vão ser homenageados todos os atletas que na época transata obtiveram o lugar mais alto do pódio nos campeonatos distritais, regionais e nacionais. 11 Atletas individuais e ainda 10 equipas campeãs. …

Campeonato Nacional Absoluto absolutamente fantástico

Já passou algum tempo desde a última vez que escrevi neste ''cantinho'' mas este momento é um dos importantes do semestre, com os testes de todas as cadeiras condensados. Já realizei 2 (Eletromagnetismo e ótica e Materiais em Engenharia) ficando a faltar Cálculo, Ciência dos Materiais e Mecânica Aplicada. Juntando a todos estes testes muitos laboratórios com peso final na nota e o trabalho de Matemática Computacional a iniciar esta semana.

Com tudo isto resta apenas tempo para treinar ou escrever no Blog, como não tenho nada para escrever se não treinar e participar em provas, opto sobretudo pela 1ºopção! :P

Mas não é por causa da minha vida académica que agora escrevo mas sim para falar do último e alucinante campeonato nacional da época 2012.

Campeonato Nacional Absoluto nunca o nome esteve tão bem, basta olhar para o pódio (5ºs lugares) e ver que todos os atletas são de faixas etárias diferentes. O que leva a concluir que o modelo de uma distância média na final é s…

Entre desafios

Já passaram 4 dias desde que participei no “Meeting de Évora – Património Mundial” em São Bartolomeu do Outeiro, faltam 4 dias para participar na Corrida do Tejo e 11 dias para o Campeonato Nacional Absoluto de Orientação Pedestre em São Pedro do Sul.
Seguindo a ordem dos acontecimentos, escrevo primeiro a minha análise do excelente sábado passado em São Bartolomeu do Outeiro. 2 Provas de distância média, num bom terreno e um bom e novo mapa. Mapa esse que vem alargar os limites do já existente subindo assim para cerca de 23km quadrados de área cartografada e a cerca de 9km da minha casa, começo, portanto, a ficar sem desculpas para não treinar com mapa de orientação!

No que à prova diz respeito: não fiquei contente com as minhas prestações, uma vez que cometi erros em ambas as etapas, errosesses que após reflexão concluísse que são provocados, principalmente, por desconcentração. 

Próximo fim de semana: Corrida do Tejo 
É já no próximo domingo que irei participar nesta corrida …

Experimentar GPS e QuickRoute

Pode-se dizer que a minha viagem à Suíça foi repleta de experiências no que toca a orientação.

Depois de ter competido e treinado com os melhores do mundo, levar GPS nesses treinos e encaixar os percursos fez-me ver que esta ferramenta é muito relevante para um atleta de orientação.

Tenho pensado do quanto é importante e cheguei à conclusão que está na altura de juntar uns ''trocos'' e adquirir um relógio GPS para evoluir na orientação, devido à análise pormenorizada dos treinos que o GPS juntamente com o QuickRoute permite.

''QuickRoute is a computer program for Windows that allows you to display a route from a GPS device, such as a GPS-clock, on an orienteering map saved as an image file. The main purpose of QuickRoute is to make it quick and simple to transfer your route from a GPS device onto a map.''

De acordo com o site oficial do QuickRoute foi um programa criado mesmo com este fim: ajudar os atletas de orientação a analisar melhor os seus treinos e …

Excelente tempo em La Chaux-De-Fonds

O que dizer sobre a semana na Suíça?

Nem sei por onde começar, nem tão pouco sei o que gostei mais, se do facto de ter competido com os meus ídolos ou de ter aproveitado uma boa semana com tudo o que mais gosto: orientação!

O título do ''post'' tem duas interpretações. Uma já certamente implícita no paragrafo anterior e a outra relacionada com a meteorologia, uma vez que o céu limpo e as temperaturas amenas foram uma constante.

Fiquei extremamente satisfeito, pois sinto que aproveitei a oportunidade ao máximo para evoluir mais um pouco neste desporto. Outras realidades, outros tipos de terrenos, maneiras diferentes de se ver a modalidade são fatores fundamentais para melhor compreender este desporto aclamado de floresta, mas, na minha opinião, de todos os lugares.

Quanto à minha estreia absoluta, quer na ''World Cup'' quer em provas pontuáveis para o ''World Ranking'' mais uma vez não estou totalmente desgostoso. 62º Lugar competindo com …

Estágio Pré-WOC, Suiça. Ai vou eu...

A terminar a época 2011 de orientação a nível de grandes competições internacionais, todas as atenções se voltam para La Chaux-de-Fonds, uma cidade no cantão francês da Suíça. Pois, nos próximos dias 1 e 2 de Outubro terá lá lugar as últimas etapas da taça do mundo 2011.
Não se trata apenas de mais umas etapas, é as últimas etapas (incluindo a ‘’final round’’) e mais importante que isso tudo é a oportunidade de as seleções participarem no campo de treinos para o próximo campeonato do mundo de orientação a realizar nesta região no próximo verão.
É esta a razão que me coloca terça-feira num avião da EasyJet rumo a Genebra para depois seguir para La Chaux-de-Fonds: treinar para o próximo campeonato do mundo!
Uma semana recheada de treinos que culminará com a minha primeira competição a nível sénior. Estar presente na mesma lista de partidas que os meus principais ídolos é no mínimo espetacular! Contudo, a responsabilidade e a vontade de fazer o melhor possível estão presentes. Fatores qu…

Taça dos países latinos cada vez mais taça dos países da América Latina!

Longe vão os tempos em que esta competição apenas era disputada pelos países latinos e europeus. Nesta última edição que se realizou em Petrer, Alicante, Espanha no passado fim de semana estiveram presentes sobretudo países da América Latina (Colômbia, Paraguai, Uruguai, Peru e Costa Rica).
Não deixa de ser um bom sinal, pois significa que a modalidade está a chegar a novos países e com isto se espera que se torne uma modalidade mundial e não na sua grande maioria europeia (como acontece nos dias de hoje!). Por outro lado é preocupante apenas Portugal. Espanha e Roménia representarem os países latinos europeus, estará com isto a taça dos países latinos a mudar?
Na minha opinião acho que sim. Começa a ser necessário levar a competição para a América Latina com pena que os países europeus não a acompanhem. Muitas questões são colocadas nesta altura sobre uma competição que poderia ser a porta de todos estes países para palcos bem mais altos (como o campeonato do mundo).
No que toca a or…

Uma História na Grande Odisseia da Orientação

A odisseia dos atletas é feita de várias pequenas histórias, umas boas outras más, mas sem dúvida que todas nos marcam de alguma maneira.
Esta que quero partilhar é sem dúvida das mais caricatas que me aconteceu até hoje no ‘’mundo’’ da orientação. Dela retiro uma grande aprendizagem e não irei esquecer durante muito tempo.
Prova local em Coruche, designada ‘’estafeta de 1 homem’’: um único percurso com vários pontos de dispersão e ‘’loops’’, estavam presentes muito bons atletas e amigos meus. 10 Horas e 20 minutos foi dada a partida, o ritmo alucinante, a marcação entre nós começou de imediato. Após a 1ºpassagem no ponto de espectadores (em 2 passagens) íamos todos juntos até que a história inesquecível sucede, mas para já continuo o relato e já volto à história!
Continuando a alto ritmo entre a 1º e 2º passagem consegui isolar-me na frente da prova com o Tiago Aires, com toda a adrenalina o cansaço, simplesmente, não existia. Estava a pouco mais de 10 pontos de puder discutir a vitória…

Adeus verão e férias, olá inverno e trabalho!

Está a chegar ao fim o longo período de férias, onde me diverti bastante, descansei para a nova época, viajei e, claro, fiz muita orientação!
Parece que foi ontem que após terminar o exame de gestão no IST corri para o Saldanha para apanhar o autocarro rumo ao aeroporto. Entrei no autocarro com o Helder Marcolino e depois com toda a comitiva no avião. Para onde íamos? Rumia, Polónia participar no campeonato do mundo de Juniores.
De regresso ao país era tempo de descansar, ir à piscina, ir à praia e divertir-me com os amigos. Mas isto tudo não aconteceu sem ter sido monitor no Orijovem em Santo Tirso e de ter ido ao estágio dos Seniores no Gerês.
Já no mês de Agosto estava na hora de mais uma aventura, Savoire – Mont Blanc, participar no WOC Tour e assistir ao WOC (campeonato do mundo de orientação).
As férias estavam quase a terminar e os treinos a regressarem. Após a formação de traçadores de percursos e do Orijunior (evento que relatarei mais tarde) passo assim o último fim de semana…

Descobrir outro tipo de Orientação...

É já este fim de semana que vou apreender orientação muito para lá de ser atleta participando no curso de traçador de percursos de orientação pedestre nível 1.
Acho esta formação importante para todos os atletas, uma vez que se tornará mais fácil compreender os objetivos de quem traça os percursos, podendo ajudar na escolha de opções quando se está numa prova do mais alto nível.
è muito retificante ver que nesta formação aparecem muitos jovens como eu, interessados e com perspetivas de virem a ser os principais impulsionadores da modalidade num futuro já muito próximo (pelo menos assim o espero!).




Não escrevi nada sobre a prova do fim de semana passado porque acho que já se falou todo o que havia a falar e como devido a uma queda no 1ºdia não acabei a etapa e na 2ºetapa não fui muito rápido (mas mesmo assim perdendo muito tempo) não vi argumentos suficientes para me manifestar acerca da prova.







M

Savoire - Mont Blanc semana e meia de pura diversão